Onde comprar o Swiss Travel Pass – Suíça?

Onde comprar o Swiss Travel Pass – Suíça?

Explorar a Suíça com o Swiss Travel Pass vale a pena? A resposta é: sim e muito!

O Swiss Travel Pass é um bilhete único para o transporte na Suíça. Só é válido para não residentes no país, ou seja, para turistas.

Este bilhete “tudo-em-um” te dá o direito de usar:

  • rede ferroviária (trens comuns e trens panorâmicos)
  • ônibus
  • barcos
  • excursão para algumas montanhas (teleféricos e bondinhos)
  • acesso gratuito a mais de 500 museus
  • até 50% de desconto em alguns passeios

Mas existem algumas variantes do bilhete que vamos explicar aqui.

São basicamente duas versões do Swiss Travel Pass: o FLEX e o CONSECUTIVO.

A opção do Swiss Travel Pass Consecutivo pode ser adquirida para 3, 4, 8 ou 15 dias e você terá que usar todos os dias consecutivos, não podendo dar intervalo entre um dia e outro.

O Swiss Travel Pass Flex também pode ser adquirido para 3, 4, 8 ou 15 dias, mas a diferença é que você pode escolher no prazo de um mês, os dias que você quer usar.

Para os menores de 26 anos, há a opção do Swiss Travel Pass Youth, que oferece 15% de desconto na compra do bilhete regular do Swiss Travel Pass.

Crianças entre 6 e 16 anos que viajam acompanhadas dos pais que possuem o Swiss Travel Pass, não pagam o transporte.

Na hora da compra, você pode optar pelo Swiss Travel Pass de 1ª ou 2ª classe. O preço do Swiss Pass na segunda classe é quase 40% mais econômico e a qualidade é similar ao Swiss Travel Pass de primeira classe.

A única recomendação para o Swiss Travel Pass de 1ª classe é para os trens panorâmicos, e os assentos são reservados a parte.

Swiss Xplorer é uma agência de turismo especializada em viagens para a Suíça. Somos  revendedores do Swiss Travel Pass no Brasil.

  • Telefone: (11) 5548-6682
  • E-mail: info@swissxplorer.com

www.swissxplorer.com.br

Onde se hospedar em Genebra

Onde se hospedar em Genebra

O hotel Warwick Geneva (4 estrelas) está situado em frente a principal estação de trem,  a 300 metros do lago Genebra e a apenas 7 minutos do Aeroporto Internacional de Genebra.

Conheça todos os nossos serviços: clique aqui – serviços

No momento da chegada, você recebe um cartão gratuito para o transporte em Genebra, válido durante toda a estadia, então mesmo quem está de carro, pode usar o transporte público para curtas distâncias.

A maioria dos quartos tem janelas de camada tripla, que vão to chão até o teto com uma ótima vista.

 

 

Para nós, que viajamos sempre com as crianças, um hotel que ofereça quarto “família” é fundamental. Na hora de selecionar o hotel no Booking.com,  eu filtro todas as minhas preferências e o filtro “quarto familiar” está disponível, o que facilita muito a minha busca.

Veja aqui a seleção das experiências mais incríveis da Suíça: clique em cima

Outra coisa que sempre procuramos é hotel que abrigue restaurante internamente. Neste hotel, a cozinha internacional do restaurante “The Téséo” é uma ótima opção.

Para mais informações, clique aqui: Warwick

Se você está pensando em conhecer a Suíça e não sabe por onde começar o seu roteiro, entre em contato! Faço planejamento de viagem e posso bolar um roteiro personalizado do jeitinho que você sonha. Sou certificada pelo órgão de turismo da Suíça e também atuo como guia.

Para mais informações, entre em contato: info@swissxplorer.com

Leia nossos últimos artigos sobre hospedagem na Suíça:

Onde se hospedar em Engelberg

Onde se hospedar em Lausanne

Onde se hospedar em Grindelwald

Onde se hospedar em Grindelwald

Onde se hospedar em Grindelwald

O hotel que eu mais indico para meus clientes na região é o Eiger Selfness Hotel, que possui ótima localização no coração de Grindelwald,  apenas a poucos minutos a pé dos teleféricos, estação de trem e lojas.

O Eiger tem tudo o que eu julgo necessário na hora da escolha de um hotel. Possui nota superior a 9 no site Booking.com, onde a avaliação é feita pelos hóspedes. Para mim este é um dos principais pontos. Além disso, é um hotel 4 estrelas, com vista para as montanhas, centro de Spa com muita variedade, academia, restaurantes e bar no próprio hotel.

Conheça todos os nossos serviços: clique aqui – serviços

Vou contar tudo sobre as instalações do Eiger neste post, espero que eu consiga descrever minha experiência neste hotel, que estava na minha wish list há muito tempo e eu finalmente consegui conhecer. A expectativa era alta mas foi superada.

Gastronomia

Três restaurantes integram a gastronomia no hotel Eiger. Eles se chamam: Barry’s, Memory e Gepsi Bar.

O restaurante Barry’s é um must go para hóspedes e não hóspedes que buscam por um jantar especial em Grindelwald. Está no primeiro andar e conta com culinária suíça, européia e internacional. O ambiente meia luz com muita pedra e madeira se mistura com decoração sofisticada e proporciona uma atmosfera de montanha que eu achei muito aconchegante.

É o restaurante mais votado no site do Tripadvisor então eu não poderia deixar de experimentar os principais pratos. Provei dois deles.

O prato Eiger Rock é um entrecôte servido com 8 molhos e guarnições diferentes. Aprovadíssimo. E o fondue de queijo chamado Peter‘s Cheese Fondue, feito com uma mistura de queijos secretos pelo chefe da cozinha também estava delicioso. Funciona de quarta à segunda a partir das 18 horas.

O restaurante costuma encher bastante, por isso recomendo fazer reserva prévia com pelo menos 2 dias de antecedência. Você pode fazer a reservar online ou então através do e-mail: restaurant@eiger-grindelwald.ch 

Veja aqui a seleção das experiências mais incríveis da Suíça: clique em cima

Outro ambiente que curtimos bastante foi o Gepsi Bar que funciona há mais de 50 anos e é ponto de encontro para os hóspedes e locais. Fecha à terças-feiras.

 

Café da manhã

O café da manhã é cheio de variedade de produtos locais como manteiga caseira, iogurte natural, muitos queijos da cidade e pães feitos na hora de vários tipos e grãos. E tem vista!

O Spa do Hotel Eiger

Esses ambientes podem ser a salvação para os dias de chuva. O espaço wellness para mim é imprescindível especialmente no inverno, quando passamos mais tempo em lugares cobertos, já que além de frio, os dias são mais curtos também.

O Spa deste hotel possui sauna finlandesa, biosauna e banho a vapor. A academia é grande e você pode fazer aulas de pilates, yoga e shiatsu

O centro de tratamentos e massagem, que é aberto para não hóspedes também tem massagem corporal total e parcial e reflexologia podal.

Para informação mais detalhada do Spa, clique aqui: spa 

Suítes, chalés e apartamentos

Além das suítes do hotel, o Eiger conta com chalés e apartamentos 3 e 4 estrelas que acomodam melhor grupos com mais de 4 pessoas.

O hotel tem estacionamento próprio localizado atrás do prédio e custa CHF 5 a diária. As diárias do Eiger estão a partir de CHF 225,00

Veja mais detalhes no site: https://www.eiger-grindelwald.ch/ 

Se você está pensando em conhecer a Suíça e não sabe por onde começar o seu roteiro, entre em contato! Faço planejamento de viagem e posso bolar um roteiro personalizado do jeitinho que você sonha. Sou certificada pelo órgão de turismo da Suíça e também atuo como guia.

Para mais informações, entre em contato: info@swissxplorer.com

Leia nossos últimos artigos sobre hospedagem na Suíça:

Onde se hospedar em Genebra

Onde se hospedar em Engelberg

Onde se hospedar em Lausanne

10 Dicas para quem vai para a Suíça pela primeira vez

10 Dicas para quem vai para a Suíça pela primeira vez

A Suíça é um país encantador, com diversas cidades charmosas, vilarejos alpinos e lagos cinematográficos. E se você decidiu conhecer esse país incrível, tenho certeza que não irá se arrepender. O país é um dos mais preparados do mundo para o turismo, além das belezas naturais, também é seguro, tranquilo e organizado.

Conheça todos os nossos serviços: clique aqui – serviços

Veja aqui a seleção das experiências mais incríveis da Suíça: clique em cima

Mas para fazer uma viagem internacional requer um planejamento, até mesmo para um país tão pequeno como a Suíça! Por isso, fiz um tópico com 10 dicas para quem quer conhecer a Suíça. Algumas dessas dicas também servem para quem já conhece o país, e se você é um desses sortudos, leia e diga se concorda comigo nos comentários ao final deste post!

 

  1. Antes de marcar a sua viagem, escolha a estação do ano que você gostaria de passar as suas férias. Na Suíça, as estações do ano são bem definidas, o verão, que vai de junho até setembro, oferece o melhor clima para atividades ao ar livre. Mas se você gosta de frio, e quer ver neve, então os melhores meses são dezembro, janeiro e fevereiro.
  2. Alta Temporada. Se você não tem filhos matriculados em escola, e tem flexibilidade de fugir de período de férias, então melhor. A alta temporada acontece em julho e agosto, quando os hotéis ficam mais cheios e as atrações turísticas também e isso se reflete nos preços. Os melhores meses para visitar a Suíça são abril, maio e outubro.
  3. Visto. Brasileiros não precisam de visto para entrar na Suíça e podem ficar até 90 dias no país. Geralmente passar pela imigração é tranquilo, mas tenha sempre em mãos a passagem de volta e reserva do hotel para apresentar, caso peçam.
  4. Embora esteja localizada no coração da Europa, a Suíça não faz parte da Comunidade Europeia, e sua moeda é o Franco Suíço (CHF). Alguns locais aceitam o Euro, principalmente em grandes cidades que fazem fronteira com outro país, mas você poderá perder dinheiro, já que o cambio é feito de 1 para 1, sendo que o Euro é mais forte.
  5. Assim que você chegar a uma cidade suíça, procure pela Central de Informação ao Turista, geralmente localizadas nas estações de trem ou próximo a elas. Nestes locais são disponibilizados mapas da cidade em diversos idiomas (de graça) e algumas cidades também oferecem City Tour de graça, na maioria das vezes em inglês.
  6. O Suíça faz fronteira com cinco países: França, Alemanha, Áustria, Itália e Liechtenstein. Isso facilita muito para quem quer conhecer mais países pela Europa. Além disso, o país do chocolate está no coração da Europa, sendo fácil e rápido acessar tanto o norte quanto o sul do continente, de trem, carro ou avião.
  7. Existem muitas fontes espalhadas por todo o país e todas possuem água potável. Para você ter uma ideia, só em Zurique são 1200 fontes espalhadas pela cidade, já em Lucerna são 225 fontes. Por isso, ande sempre com uma garrafinha de água e não precisará comprar.
  8. Custos. A Suíça é um dos países mais ricos do mundo. Zurique e Genebra estão constantemente no topo da lista de cidades mais caras do mundo, e os preços nas cidades menores não são muito diferentes. Por este motivo, um bom planejamento pode fazer toda a diferença no seu orçamento final. Se organize com antecedência.
  9. Cultura. A Suíça é um país neutro, que não toma partido em guerras e essa neutralidade é uma receita de sucesso por aqui. Com território de paz, a leveza se reflete na personalidade dos suíços:  educados, alegres, respeitosos e receptivos. Esse é o povo suíço. Mas a Suíça também é um dos países com mais estrangeiros do mundo com cerca de 2 milhões de não-suíços vivendo no país. Com 25% da população estrangeira, vindos principalmente dos países que fazem fronteira, a Suíça se torna o país mais multicultural do mundo.
  10. Trens. Que os trens na Suíça são confortáveis e extremamente pontuais, todo mundo já sabe. Mas este ano, a rede ferroviária suíça foi considerada a melhor da Europa, segundo o relatório “The Great Train Comparison”, onde 16 empresas europeias de trem forma analisadas em 16 categorias diferentes. A Suíça levou primeiro lugar em 4 categorias: ótimo para ciclistas, famílias com crianças, esportes de inverno e pessoas com deficiência.

____________________________________________________________________________________________

Se você está pensando em conhecer a Suíça e não sabe por onde começar o seu roteiro, entre em contato! Faço planejamento de viagem e posso bolar um roteiro personalizado do jeitinho que você sonha. Sou certificada pelo órgão de turismo da Suíça e também atuo como guia.

Para mais informações, entre em contato: info@swissxplorer.com

 

Leia nossos últimos artigos sobre hospedagem na Suíça:

Onde se hospedar em Genebra

Onde se hospedar em Engelberg

Onde se hospedar em Lausanne

Onde se hospedar em Grindelwald

 

 

Tierpark Goldau – Parque Natural e Zoológico

Tierpark Goldau – Parque Natural e Zoológico

O Tierpark, parque dos animais em alemão, é um parque natural e zoológico, localizado na Suíça central. Ele está em uma área com mais de 42 hectares de natureza e abriga mais de 100 espécies de animais selvagens da Europa.

Conheça todos os nossos serviços: clique aqui – serviços

O grande diferencial do parque é o contato direto com alguns animais. Já na entrada é possível comprar a ração especial para veados e cabras que andam livres pelo parque. Estes animais estão acostumados com o contato humano, são dóceis e calmos, sendo possível o contato com crianças de todas as idades para acariciá-los e alimentá-los.

Em recintos espaçosos, é possível observar espécies de lobos, gatos selvagens, linces, javalis, ursos, corujas, aves, entre outros. Um ponto focal do zoológico Goldau é a criação e reintrodução de espécies ameaçadas de extinção.

 

 

Em 1806 houve um deslizamento onde 40 milhões de metros cúbicos de rocha deslizaram da montanha Rossberg, e destruiu três vilas inteiras. Hoje, o cenário natural formado pelo desastre com grandes pedras espalhadas em meio a floresta, é o lar de centenas de animais que vivem no parque.

Veja aqui a seleção das experiências mais incríveis da Suíça: clique em cima

 

Ao longo do trajeto você encontra placas explicativas sobre a tragédia, uma estátua em homenagem as vítimas da avalanche e um pequeno museu na saída no parque.

 

 

Há um chafariz na maior praça do parque que vira um clube para a criançada, que tira a roupa e aproveita para se refrescar no verão. Também tem áreas para piquenique, diversos playgrounds, churrasqueiras, e uma torre de observação.

 

 

Um grande restaurante e diversos quiosques que vendem lanches e sorvetes, estão distribuídos pelo parque.

O Tierpark está a 30 minutos de Lucerna e 40 minutos de Zurique, de carro. De trem, são 45 minutos de Zurique e 40 minutos de Lucerna.

Como chegar:
De Transporte público, da estação de Trem de Goldau até o parque são uns 5 minutos de caminhada, é só seguir as pegadas no chão.
de carro: estacionamento no local, porém com vagas limitadas. Existem outros estacionamentos próximos devidamente indicados por placas

Horário de funcionamento:
De 01 de novembro a 31 de março o parque funciona das 9h até as 17h
De 01 de abril a 31 de outubro funciona das 9h até as 18h

Entrada:
Adulto CHF 20,00. Crianças acima de 6 anos CHF 10,00-  e criança abaixo de 06 anos é grátis

Natur und Tierpark Goldau

Parkstrasse 40
CH-6410 Goldau
www.tierpark.ch

Gostou do texto? Deixe o seu comentário abaixo, sua opinião é muito importante aqui!

____________________________________________________________________________________________

Se você está pensando em conhecer a Suíça e não sabe por onde começar o seu roteiro, entre em contato! Faço planejamento de viagem e posso bolar um roteiro personalizado do jeitinho que você sonha. Sou certificada pelo órgão de turismo da Suíça e também atuo como guia.

Para mais informações, entre em contato: info@swissxplorer.com

 

Tierpark Goldau – Natural Park and Zoo

The Tierpark, which means animal park in German, is a natural park and zoo, located in central Switzerland. It is in an area with more than 42 hectares of nature and it is home for more than 100 species of wild animals from Europe.

The great differential of the park is the possibility of direct contact with some animals. At the entrance is possible to buy the special food for deer’s and mouflon sheep that walk free in a big area of the park. These animals are accustomed to human contact, are docile and calm, being able to contact with children of all ages to touch and feed them.

In spacious enclosures, it is possible to observe species of wolves, wild cats, lynxes, wild boars, bears, owls, birds, among others. One of the key objectives of the Goldau Zoo is the creation and reintroduction of species in danger of extinction.

In 1806 there was a landslide where 40 million cubic meters of rock slid from Rossberg Mountain and destroyed three entire villages. Today, the natural setting formed by the disaster with large stones scattered in the middle of the forest, is home to hundreds of animals that live in the park. Along the way you will find explanatory plaques of the tragedy, a statue in honor of the victims of the avalanche and a small museum just outside the park.

There is a fountain in the largest square in the park that turns into an entertainment for the kids, who takes off their clothes and takes the opportunity to cool down in the summer. It also has picnic areas, various playgrounds, grills, and an observation tower.

A large restaurant and several kiosks selling snacks and ice creams are spread throughout the park.

The Tierpark is 30 minutes from Lucerne and 40 minutes from Zurich by car. By train, it is 45 minutes from Zurich and 40 minutes from Lucerne.

How to reach?

With public transport: from the train station of Goldau to the Park Area – 5 minutes walking. Just follow the footprints on the ground.

By car: parking in the local, but limited places. There are other nearby parking lots properly indicated by signs.

Opening Hours:

From November 1 to March 31 the park is open from 9h until 5:00 p.m.

From April 1 to October 31 is opens from 9h until 6pm.

Prices: Adult CHF 20.00. Children over 6 years CHF 10.00- and child under 06 is free

Natur und Tierpark Goldau

Parkstrasse 40

CH-6410 Goldau

www.tierpark.ch

 

 

Leia nossos últimos artigos sobre hospedagem na Suíça:

Onde se hospedar em Genebra

Onde se hospedar em Engelberg

Onde se hospedar em Lausanne

Onde se hospedar em Grindelwald

error: Content is protected !!