Os 5 lagos mais bonitos da Suíça

Os 5 lagos mais bonitos da Suíça

Escolher apenas cinco lagos na Suíça é uma missão bem difícil, já que existem mais de 1500 deles espalhado pelo pequeno país. Todos os lagos na Suíça são limpos e próprios para banho embora nem sempre seja permitido a entrada na água.

Conheça todos os nossos serviços: clique aqui – serviços

  • Lago Cauma ou Caumasee

Este lago está a 1h37 de Zurique e 1h56min de Lucerna, de carro. Localizado na cidade de Flims, é acessível de carro, sendo necessário apenas uma pequena caminhada de 5 minutos. É possível combinar a visita à dois lagos no mesmo dia: Caumasee e Crestasee. No verão, é cobrada uma taxa de entrada de CHF 12,00.  No local há um restaurante que opera de maio à final de outubro. É permitido nadar no lago que tem inclusive estrutura para isso, com vestiários, áreas de lazer para piquenique e parque para crianças.

 

  • Lago Cresta ou Crestasee

Este lago está a 1h28min de Zurique e 1h48min de Lucerna, de carro. Também está localizado na cidade de Flims, e é acessível de carro, sendo necessário apenas uma caminhada de 15 minutos. É possível combinar a visita à dois lagos no mesmo dia: Caumasee e Crestasee. No verão, é cobrada uma taxa de entrada de CHF 7,00. No local há um quiosque que opera de maio até metade de outubro.

Veja aqui a seleção das experiências mais incríveis da Suíça: clique em cima

  • Lago Oeschinen ou Oeschinensee

O Lago Oeschinen está a 1578 metros de altitude e é rodeado pelos Alpes. É um dos maiores lagos em montanha da Suíça. Este lago está a 2h16min de Zurique e 1h51min de Lucerna, de carro. Está localizado na pequena cidade de Kandersteg. É possível combinar a visita à dois lagos no mesmo dia: Oeschinensee e Blausee. A melhor forma de chegar até o Oeschinensee é subindo de teleférico, que opera de maio até 21 de outubro (2018) e custa CHF 28,00. Também é possível fazer o trajeto a pé, através de uma trilha sinalizada de 2 horas.

 

  • Lago Blau ou Blausee

O Blausee é relativamente pequeno e não é possível nadar em suas águas. Esse lago ficou conhecido devido a cor da sua água, um azul intenso. Não é a toa que o significado de Blausee é lago azul.  Este lago está a 2h de Zurique e 1h37min de Lucerna, de carro. Está localizado na cidade Mitholz Kandergrund. É possível combinar a visita à dois lagos no mesmo dia: Oeschinensee e Blausee. É possível chegar de carro no Blausee e há estacionamento no local. De final de março até 15 de novembro (2018) é cobrada uma taxa de entrada de CHF 8,00. Nos outros meses a entrada é gratuita, e diferentemente dos outros lagos, o Blausee não congela, sendo possível admirar a sua beleza em qualquer época do ano, até mesmo no inverno!

 

  • Lago Gelmer ou Gelmersee

O lago Gelmer está a 1850 metros de altitude e a melhor forma de chegar até ele é através de um funicular (o funicular mais inclinado da Europa) que custa CHF 32,00. Opera de maio até 21 de outubro (2018). Este lago está a 1h48min de Zurique e 1h15min de Lucerna, de carro. Está localizado na cidade de Guttannen. Só é possível chegar até ele através de um trem de montanha.

4143-cam-1

 

Está pensando em conhecer a Suíça mas não sabe por onde começar o seu roteiro? Fazemos planejamento de viagem, com roteiros personalizados de acordo com o seu perfil. Entre em contato!

Gostou do texto? Deixe o seu comentário abaixo! 🙂

____________________________________________________________________________________________

Se você está pensando em conhecer a Suíça e não sabe por onde começar o seu roteiro, entre em contato! Faço planejamento de viagem e posso bolar um roteiro personalizado do jeitinho que você sonha. Sou certificada pelo órgão de turismo da Suíça e também atuo como guia.

Para mais informações, entre em contato: info@swissxplorer.com

 

Leia nossos últimos artigos sobre hospedagem na Suíça:

Onde se hospedar em Genebra

Onde se hospedar em Engelberg

Onde se hospedar em Lausanne

Onde se hospedar em Grindelwald

 

Rigi, a rainha das montanhas na região de Lucerna

Rigi, a rainha das montanhas na região de Lucerna

O Monte Rigi não é apenas uma montanha na Suíça. Rigi é “A Montanha” do coração da Suíça Central. Um passeio imperdível principalmente para quem está em Zurique, Lucerna ou próximo à estas duas cidades.

Conheça todos os nossos serviços: clique aqui – serviços

A Rigi é uma montanha a 1798 metros acima do mar e encanta com sua paisagem típica: prados verdes, florestas e vacas pastando.

Veja aqui a seleção das experiências mais incríveis da Suíça: clique em cima

A vista panorâmica do cume é incrível. Ela cruza os Alpes, se estende por 13 lagos e chega até a França e Alemanha em dias de boa visibilidade. A aventura começa ao acessar a montanha. Existem 3 formas de chegar até o cume e a melhor opção é a que estive mais perto de você:

  • Trem de cremalheira de Vitznau  – 33 minutos
  • Trem de cremalheira de Goldau – 37 minutos
  • Teleférico de Weggis e depois trem – 10 minutos e depois troca para trem

O trem faz algumas paradas até chegar ao topo e é possível descer em algumas delas para encarar a trilha até o topo.

 

O que fazer?

No verão uma rede de trilhas para caminhadas se estende por mais de cem quilômetros ao longo das montanhas, onde é possível apreciar a rica flora alpina com cerca de mil espécies diferentes.

Há também diversas áreas de churrasco e alguns playgrounds para as crianças. É possível ir com carrinho de bebê, já que há muitas rampas.

 

Na estação intermediária chamada Rigi Kaltbad está um hotel e spa com piscinas termais de frente para os Alpes.

e qualquer época do ano,

Veja outras atrações e atividades disponíveis no monte Rigi:

Passeios ao nascer do sol: todos os domingos, de junho a setembro, um passeio a partir de Goldau com um esplêndido nascer do sol no Rigi Kulm, acompanhado pelos sons da trompa alpina e por fim um pequeno almoço no Rigi Staffel.

Jantar num restaurante flutuante: aos sábados, de julho a setembro, o teleférico panorâmico de Weggis para Rigi Kaltbad se transforma em um restaurante romântico e nas alturas. Desfrute de um jantar inesquecível com uma vista deslumbrante.

Veja mais: https://swissxplorer.com/2018/04/26/um-restaurante-nas-alturas-proximo-de-lucerna/

Passeios de carroça: os cavalos da raça Haflinger puxam as carroças que, durante todo o ano levam os turistas pela magnífica paisagem. O passeio inclui uma refeição, serviço de bagagem e transfer.

Espetáculo de trem a vapor: realizado aos domingos, em julho e agosto, com as locomotivas repletas de história das ferrovias de Rigi no cume da montanha.

 

Existem também passeios combinados com barco, trem e bondinho. As opções são:

  • Majestic Round Trip: pegue o barco de Lucerna para Vitznau. Mude para o trem de cremalheira até para Rigi Kulm e aprecie a vista no topo. Em seguida, pegue o trem de cremalheira até Arth-Goldau e mude para o trem regular para Lucerna.
  • Classic Round TripPegue: pegue o barco de Lucerna para Vitznau. Mude para o trem de cremalheira para Rigi Kulm. Em seguida, pegue o trem de cremalheira até Rigi Kaltbad e mude para o teleférico até Weggis. Caminhe até o barco (15 minutos) para retornar a Lucerna

 

Dica: passeios de montanha como este só são interessantes se o dia estiver claro o suficiente para apreciar a vista, por isso verifique a previsão do tempo antes de sair e verifique o horário.

Para mais informações, acesse o site: http://www.rigi.ch

Gostou do texto? Deixe o seu comentário abaixo! 🙂

____________________________________________________________________________________________

Se você está pensando em conhecer a Suíça e não sabe por onde começar o seu roteiro, entre em contato! Faço planejamento de viagem e posso bolar um roteiro personalizado do jeitinho que você sonha. Sou certificada pelo órgão de turismo da Suíça e também atuo como guia.

Para mais informações, entre em contato: info@swissxplorer.com

 

Leia nossos últimos artigos sobre hospedagem na Suíça:

Onde se hospedar em Genebra

Onde se hospedar em Engelberg

Onde se hospedar em Lausanne

Onde se hospedar em Grindelwald

Monte Pilatus, uma das montanhas mais bonitas da Suíça central

Monte Pilatus, uma das montanhas mais bonitas da Suíça central

A apenas 10 minutos de Lucerna de carro (3,8 km) está o Monte Pilatus, uma montanha a 2.073 metros de altitude com um panorama incrível que abrange vista para 70 picos alpinos, a cidade de Lucerna e seu lago.

Conheça todos os nossos serviços: clique aqui – serviços

O local pode ser visitado tanto no verão quanto no inverno. Lá você encontrará várias opções de entretenimento que irão agradar a todas as idades.  É de fácil acesso, e não exige caminhadas, ideal para toda a família!

Há duas formas para se alcançar o topo do Pilatus. A mais usada é a gôndola porque opera praticamente o ano todo. Mas existe também o trem de cremalheira mais íngreme do mundo que sai da cidade de Alpnachstad, com uma inclinação máxima de 48%, passando por florestas e falésias.

Veja aqui a seleção das experiências mais incríveis da Suíça: clique em cima

O trajeto até o topo leva cerca de 40 minutos e é possível descer nas estações intermediárias (Krienseregg e Fräkmüntegg).

No inverno as atividades mais praticadas são esqui, snowboard e trenó na neve. Já no verão, a principal atração é o “tobogã de montanha” que é o mais longo da Suíça com 1.350 metros de comprimento, o “parque de cordas” (como o nosso arvorismo) com vários níveis de dificuldades, além de trilhas sinalizadas para caminhadas.

A primeira estação, chamada de Krienseregg, está a 1.026m de altitude e é a mais divertida para crianças pequenas. Possui restaurante e um grande parque infantil a céu aberto com tobogã, balanços, gangorra, espaço para piquenique, etc...

31286587_10157401973219358_1838401188446339072_n

Mas se o parque e o restaurante da estação não interessar, não desça da gôndola, apenas siga em frente.

A próxima estação será de Fräkmüntegg, a 1.416 metros de altitude. Se você pretende andar de trenó (inverno) ou ir ao tobogã de montanha (verão), desça e saia da estação. No local há banheiro, restaurante e muitas trilhas para caminhadas.

31286583_10157401973104358_4724776871017840640_n

Para seguir ao cume, também é necessário trocar de gôndola. Por isso tenha sempre o seu ingresso com você, inclusive na volta!

A terceira (e última) parada é o Pilatus Klum, o topo mais alto que pode ser alcançado no local. Esta estação conta com restaurantes, loja de souvenirs, mirantes e um hotel.

31250647_10157401973959358_8333463849734766592_n

Na área externa estão os mirantes e caminhos a serem percorridos para ter a vista panorâmica de todos os lados possíveis. Aproveite para relaxar nas espreguiçadeiras espalhadas no terraço para tomar um sol e apreciar a bela paisagem dos Alpes.

A vista do hall principal também é de tirar o fôlego, com janelões grandes de vidro, portanto, mesmo que esteja frio, você consegue curtir a vista!

31253075_10157401973904358_3004028816927490048_n

Possivelmente quando você estiver lá, aparecerá algúem para tocar música típica ao vivo, no topo da montanha. Nós encontramos um músico tocando Trompa Alpina, em alemão é conhecido como Alpenhorns, que são longos instrumentos de sopro que produzem um som suave e muito agradável.

31288251_10157401973784358_7903609010056593408_n

Sugiro reservar o dia todo para fazer este passeio.

Não deixe de passear pela Caverna do Dragão, conhecida também como Drachenweg, localizada na lateral da montanha mais alta. O percurso é feito em poucos minutos, e ao longo do caminho, existem pequenas janelas de rocha de onde podemos apreciar a paisagem.

Para os que gostam de barcos e montanhas, o Golden Tour é um passeio completo que combina ida e volta, e envolve trajetos de barco a vapor, trem, teleférico e ônibus.

Para saber maiores informações, acesse: https://www.pilatus.ch/

____________________________________________________________________________________________

Se você está pensando em conhecer a Suíça e não sabe por onde começar o seu roteiro, entre em contato! Faço planejamento de viagem e posso bolar um roteiro personalizado do jeitinho que você sonha. Sou certificada pelo órgão de turismo da Suíça e também atuo como guia.

Quer saber mais detalhes sobre os roteiros personalizados? Veja aqui: Planejamento de Viagens

Para mais informações, entre em contato: info@swissxplorer.com

 

Leia nossos últimos artigos sobre hospedagem na Suíça:

Onde se hospedar em Genebra

Onde se hospedar em Engelberg

Onde se hospedar em Lausanne

Onde se hospedar em Grindelwald

Funicular mais inclinado do mundo é inaugurado na Suíça

Funicular mais inclinado do mundo é inaugurado na Suíça

Após cinco anos de construção, foi inaugurado o funicular mais íngreme do mundo! E ele está na Suíça, perto de Zurique.

Conheça todos os nossos serviços: clique aqui – serviços

A linha funicular Schwyz – Stoss foi inaugurada nesta sexta-feira, dia 15 de dezembro de 2017.

2017-12-16

Foto: urs Flueeler/EPA

O funicular que consegue transportar passageiros até ao topo de uma montanha, conta com uma inclinação quase vertical. Custou 44,6 milhões de euros e é apresentado como um triunfo da engenharia moderna. Isso porque apesar da inclinação da montanha, de 48°, os passageiros poderão fazer o percurso sempre numa posição confortável. O segredo está nos vagões, semelhantes a barris, que se ajustam à inclinação à medida que o funicular avança montanha acima.

1309850_fancybox_1pTRMc_Y4xXaQ

Foto: Luzernerzeitung.ch

Veja aqui a seleção das experiências mais incríveis da Suíça: clique em cima

O funicular anda a uma velocidade de 10 metros por segundo e é composto por quatro vagões de vidro, permitindo vistas panorâmicas da região.
São 1738 metros do percurso, a uma altitude de 1306 metros, que liga a cidade de Schwyz até o resort de esqui e vilarejo Stoos, ambos próximos ao lago de Lucerna.
O passeio dura entre 3 e 5 minutos e o valor da viagem de ida e volta é de CHF 22,00 para adultos e gratuito para crianças até 15 anos.

____________________________________________________________________________________________

Se você está pensando em conhecer a Suíça e não sabe por onde começar o seu roteiro, entre em contato! Faço planejamento de viagem e posso bolar um roteiro personalizado do jeitinho que você sonha. Sou certificada pelo órgão de turismo da Suíça e também atuo como guia.

Quer saber mais detalhes sobre os roteiros personalizados? Veja aqui: Planejamento de Viagens

Para mais informações, entre em contato: info@swissxplorer.com

 

Leia nossos últimos artigos sobre hospedagem na Suíça:

Onde se hospedar em Genebra

Onde se hospedar em Engelberg

Onde se hospedar em Lausanne

Onde se hospedar em Grindelwald

Caça ao tesouro para adultos na Suíça

Caça ao tesouro para adultos na Suíça

O parque Binntal de importância nacional, possui uma grande rede de trilhas em montanhas para pedestres e ciclistas. Lá, é possível apreciar a natureza e observar espécies raras de animais e plantas. Mas a grande novidade são as visitas guiadas no parque com intuito de caçar os minerais próprios da região.

Conheça todos os nossos serviços: clique aqui – serviços

amethyst-2386939_1920

A extensa variedade de rochas com diferentes composições químicas, criaram uma diversidade de minerais no vale do Binntal em um espaço pequeno de montanha, que podem ser facilmente percorridos a pé.

Alguns dos minerais carregam nomes da região, como Lengenbachite, Wallisit ou Cervandonite.

Veja aqui a seleção das experiências mais incríveis da Suíça: clique em cima

O vale contempla cerca de 200 tipos de minerais, e mais de 6 deles nunca foram vistos em nenhum outro lugar do mundo. A geologia particular da região é responsável pela abundância de minerais e por isso é conhecida em todo o mundo.

 

 

Você pode participar de passeios pelas montanhas em busca destas rochas especiais. A exploração mineral de um dia no vale é uma nova proposta de turismo, indicada para qualquer um leigo no assunto e não apenas para amantes da mineração. Basta saber apreciar a natureza.

Com um profissional da área que sabe ler as rochas e para onde ir, os turistas podem experimentar com a ajuda de um martelo, abrir uma pedra e se surpreender com o seu interior brilhante que pode não demonstrar nenhuma marca externa.

Para este típo de excursão, que é oferecida de julho a outubro, é preciso ferramentas especiais, como uma picareta, um martelo e botas de caminhada para subir as montanhas. As ferramentas estão inclusas no pacote.

quarry-1591207_1280

E sua experiência pode ser ainda mais incrível se você optar por acampar em um chalé de montanha. Veja aqui: pernoitar na montanha

Aqui estão alguns dos minerais mais encontrados nas excursões: cristal de rocha, pirita, calcita, albite, siderita, moscovita e mica de fuchsite, granada, turmalina, anatase, rutilo, hematita, quartzo esfumaçado, titanito, adular, Dolomita, actinolita.

crystals-1567953_1920

Muitas das rochas encontradas no vale estão expostas nos museus de Binn e Fäld.

Para mais informações, o site oficial é: Binntal

E ai, topa esta aventura?

____________________________________________________________________________________________

Se você está pensando em conhecer a Suíça e não sabe por onde começar o seu roteiro, entre em contato! Faço planejamento de viagem e posso bolar um roteiro personalizado do jeitinho que você sonha. Sou certificada pelo órgão de turismo da Suíça e também atuo como guia.

Quer saber mais detalhes sobre os roteiros personalizados? Veja aqui: Planejamento de Viagens

Para mais informações, entre em contato: info@swissxplorer.com

 

 

Leia nossos últimos artigos sobre hospedagem na Suíça:

Onde se hospedar em Genebra

Onde se hospedar em Engelberg

Onde se hospedar em Lausanne

Onde se hospedar em Grindelwald

error: Content is protected !!